Publicado em 9 de janeiro de 2019

As férias costumam ser a época mais esperada pelas crianças, afinal, é o momento de descansar e se divertir na praia, piscina ou ao ar livre. Porém, os bebês e as crianças costumam ter a pele mais sensível, o que requer cuidados, principalmente em relação aos raios ultravioletas.

 

Durante os primeiros anos de vida, a criança produz pouca melanina, que é responsável por absorver os raios solares e proteger a pele da radiação. Bebês até 6 meses, por exemplo, não podem usar protetor solar, devido à rapidez de absorção pela pele. O indicado é evitar a exposição ao sol, entre 10h e 16h da manhã, e usar bonés e roupinhas apropriadas.

O protetor (no mínimo fator 30) só é indicado a partir dos 6 meses, 20 minutos antes da exposição solar ou antes de entrar na água, nas orelhas, dobrinhas do corpo e nos pés dos bebês.  

Confira abaixo outras dicas para cuidados com a pele das crianças no verão:

1 – Fuja dos banhos quentes

Evite dar banhos muito quentes nos pequenos, principalmente se a pele estiver irritada, ardida ou queimada de sol. Prefira banhos mornos a frios, e opte por  hidratantes à base de água, específicos para crianças. Pergunte ao dermatologista infantil qual o creme mais indicado.

2 – Cuidado ao usar repelentes

No verão, as crianças costumam se coçar muito, devido às picadas de insetos. Mas lembre-se: repelentes também só podem ser usados em bebês com mais de seis meses.

Por isso, procure colocar telas ou mosquiteiros no berço. Em crianças acima de 6 meses, pergunte ao pediatra qual os repelentes mais indicados, e que inclusive, protegem contra o mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya.

3 – Cuidados com frutas cítricas

Ao irmos na pracinha ou praia, muitas vezes optamos por dar frutas aos pequenos. E isso é um hábito muito saudável! Porém, evite que elas tenham contato direto com frutas cítricas – como limão, laranja e maracujá – que infelizmente podem manchar a pele sensível da criança.

4 – Não use qualquer hidratante

Não é obrigatório passar hidratante nas crianças, mas o produto ajuda a pele a se recuperar rapidamente de ressecamentos. Como dito anteriormente, evite usar qualquer um e converse com o dermatologista infantil antes.

5 – Cuidados com a areia

A areia da praia ou da pracinha infelizmente pode transmitir  doenças de pele, como: micoses, bicho de pé, bicho geográfico e até mesmo toxoplasmose. Na praça, evite deixar a criança descalça,para que a pele não tenha contato com fezes de cães e gatos.

Já as micoses são muito comuns de se pegar em piscinas de clubes, condomínios, praias, etc. Por isso, procure secar bem a criança nas dobras do corpo, como axilas, virilhas e dedos dos pés e mãos. Também evite que ela ande descalça em locais úmidos, como lava-pés e vestiários de clubes.

6 – Como evitar brotoejas

As brotoejas são as campeãs do verão, pois elas costumam aparecer no pescoço e nas dobras do corpo, com o suor e transpiração excessiva. Procure vestir as crianças com roupas de algodão, frescas e leves. E evite passar algo no local, como talco, pomada, etc.  

7 – Como evitar as assaduras

As assaduras também costumam incomodar muito a pele das crianças  no verão. Se seu filho usa fralda, procure trocar frequentemente com a correta higiene do local. Passe pomada se precisar e novamente use roupas frescas.

 

Essas foram algumas informações do MedPoint sobre os cuidados com a pele das crianças no verão. Se você deseja marcar uma consulta, ligue para (21) 3576-3747 e agende com um dos nossos  dermatologistas ou agende aqui pelo site.

 

Aceitamos planos de saúde. Consulte o nosso atendimento e converse com um de nossos dermatologistas infantis ou pediatras. Temos consultas particulares acessíveis e reembolsáveis pelo seu plano.

Estamos localizados atrás do Prezunic e o estacionamento é gratuito.

Endereço: Rua Professora Luíza Nogueira Gonçalves, 350 – Bloco 2 – sala 201 a 235 – Recreio dos Bandeirantes.

Lembramos que essas informações possuem caráter educativo e somente um médico poderá diagnosticar doenças e indicar os tratamentos adequados.

Voltar